Olá,

sou a Maria e criei o The Love Food em 2010. Sou vegetariana desde os 12 anos e vegana há muitos também, e foi quando me tornei vegana que percebi a importância que a alimentação tem numa vida saudável. Até então tinha apenas descoberto o impacto que as escolhas alimentares (e não só) podem ter no mundo.

Depois de 10 anos a estudar e a trabalhar como actriz em Paris, NY e em Portugal, decidi mudar o mundo a partir da minha cozinha.

Sou Plantbased Chef pelo Plantlab LA e pelo Food Future Institute e Health Coach pelo Integrative Nutrition NY. Estagiei em São Paulo nas cozinhas de restaurantes vegetarianos gourmet e fui aprendendo a cozinhar em vários cursos, sempre rodeada de livros de culinária.

Em 2014 criei a empresa The Love Food,uma das primeiras empresas veganas e biológicas do país, que produzia e distribuía pastelaria, salgadinhos e comida, sempre saudável e deliciosa – senti que não bastava partilhar receitas, era necessário que houvesse alternativas realmente saudáveis e gulosas no mercado.

Em 2018 encerrei a produção e dediquei-me à Consultoria Gastronómica e à Formação de cozinha e pastelaria vegana.

Escrevi três livros –  O Livro da Cozinha Vegana,  Cozinha Vegana para Bebés, Crianças e Famílias Saudáveis e Ecoguia para Mudar o Mundo, ambos editados pela 20|20.

Sou co-organizadora e formadora dos Cursos de Cozinha Vegetariana da Escola de Hotelaria e Turismo de Lisboa e do Porto.

Fundei e co-organizo o evento VegSummit, com a AVP, que reúne empresários veganos do mundo inteiro para inspirar empreendedores a criar o seu próprio negócio.

Sou ainda a apresentadora do Veggie, um programa de cozinha e lifestyle que deixa toda a gente de água na boca, na Sic Mulher (e o primeiro programa vegan de televisão da Europa! Upa! Upa!)

A filosofia nesta casa é muito simples: comer é um prazer mas também é revolucionário. As receitas são feitas com produtos da estação, de agricultura biológica ou qualquer outra que respeite e regenere os ecossistemas e os solos   Não me vão ouvir falar de doses diárias recomendadas ou de calorias: uma alimentação variada e colorida, com tudo o que a terra e o mar nos dá, vale por si só e deixa-nos cheios de energia, saúde e mais felizes. E claro, com o mínimo de desperdício. E um estilo de vida consciente é o início da mudança do mundo para melhor.

A tempo inteiro sou mãe de um rapazinho e tenho dois cães resgatados, o Rangel e o Sol.

Este blog mudou a minha vida. Espero que seja útil para si.